22 de março de 2013

collage: cut, copy and paste

A collage, que passou a ser amplamente empregada como técnica artística no começo do século XX, é um método de composição ainda corrente e que ganhou, com as tecnologias digitais, novas ferramentas. A colagem digital é feita a partir do computador e do uso de softwares de manipulação de imagens. Contudo, a essência da técnica mantém-se basicamente a mesma, e consiste na utilização de imagens pré-existentes para a concepção de uma obra original. Esta técnica alterou o cenário das artes na medida em que representou uma ruptura entre arte e vida cotidiana, incorporando, com sobreposições ou justaposições, elementos visuais heterogêneos e objetos não artísticos de proveniências distintas. 

"Natureza morta com cadeira de palha", 1912, Pablo Picasso 

Os primeiros usos da colagem na arte moderna foram empreendidos pelos artistas que exploravam o cubismo, dando origem a novas composições estéticas que ultrapassavam a bidimensionalidade do suporte da obra. 
A colagem como técnica ganhou projeção com a Pop Art, que desestabilizou o universo das artes incoporando elementos visuais dos mass media na produção artística. Tanto que quando pensamos em colagem, temos como marco fortuito a obra do inglês Richard Hamilton “Just what is it makes today’s ours homes so different, so appealing?”    de 1956.

“Just what is it makes today’s ours homes so different, so appealing?”
1956, Richard Hamilton




Enviar um comentário